Infecções em Pacientes com Câncer. Pacientes com câncer, especialmente aqueles submetidos à quimioterapia, são mais propensos a contrair infecções por causa de seu sistema imunológico enfraquecido.

O câncer e certas terapias contra o câncer podem danificar o sistema imunológico, reduzindo o número de glóbulos brancos que combatem infecções. Pacientes com baixa contagem de glóbulos brancos correm maior risco de desenvolver infecções, e essas infecções podem ser mais graves e mais difíceis de tratar. Em casos graves, as infecções podem levar à morte.

Neste artigo, saiba mais sobre o risco de infecções em pessoas com câncer, quais são os sinais para se prestar atenção e como prevenir este tipo de complicação.

Infecções em Pacientes com Câncer

Relação entre Câncer e Infecções

O tratamento do câncer é eficaz em destruir as células cancerígenas, mas também pode destruir os glóbulos brancos saudáveis ​​que combatem as infecções.

Se a contagem de células brancas diminuir moderadamente, você não precisará de precauções especiais, especialmente se as células voltarem ao normal em um curto período. No entanto, se você tiver uma baixa contagem de glóbulos brancos grave ou prolongada, especialmente após terapia medicamentosa intensiva, pode estar em maior risco de infecção.

Para prevenir ou controlar a possibilidade de infecções, sua equipe de saúde pode:

  • Prescrever antibióticos para prevenir ou tratar a infecção;
  • Prescrever fatores de crescimento para melhorar a contagem de glóbulos brancos. Estes medicamentos podem causar efeitos colaterais graves em alguns pacientes. Discuta o risco e os benefícios com o seu médico.
  • Parar ou atrasar o tratamento para permitir que as contagens de células sanguíneas aumentem.

Sinais e Sintomas de Infecções

Se você apresentar algum sinal de infecção, não demore a procurar atendimento médico. Se você tiver um dos seguintes sintomas, entre em contato com seu médico imediatamente:

  • Temperatura de 38°C ou superior;
  • Arrepios;
  • Tosse persistente;
  • Vermelhidão, inchaço ou sensibilidade, especialmente em torno de uma ferida ou acesso intravenoso;
  • Dor de garganta;
  • Dor ao urinar;
  • Diarreia;
  • Sangramento nas gengivas ou manchas brancas na boca.

Como Reduzir o Risco de Infecções em Pacientes com Câncer

  • Certifique-se de tomar medidas para evitar expor-se a bactérias, vírus e outros agentes causadores de infecção, por meio da lavagem frequente e vigorosa das mãos e, quando necessário, o uso de máscaras, aventais e/ou luvas.
  • Discuta como evitar infecções com membros de sua equipe de saúde, se estiver recebendo tratamento ambulatorial, especialmente em relação ao uso dos cateteres, para reduzir o risco de bactérias entrarem em seu organismo.
  • Lave bem as mãos, especialmente antes de comer e antes e depois de usar o banheiro. Isso se aplica a todos – pessoas em tratamento e aqueles ao seu redor.
  • Evite multidões e indivíduos com doenças contagiosas, como resfriados, gripes, sarampo ou catapora.
  • Verifique com seu médico sobre a vacinação. Descubra se você deve evitar pessoas que foram recentemente imunizadas com formas vivas e enfraquecidas de organismos ou vírus que causam a doença, como sarampo, e por quanto tempo você deve ficar longe.
  • Limpe sua área retal suavemente, mas completamente após cada evacuação. Peça conselhos ao seu médico se irritação ou hemorróidas forem um problema. Verifique com sua equipe de saúde antes de usar enemas ou supositórios.
  • Não retire as cutículas das unhas das mãos ou dos pés. Tome cuidado para não feri-las.
  • Evite cortes ou perfurações ao usar tesouras, agulhas ou facas.
  • Use um barbeador elétrico em vez de uma navalha para evitar cortes.
  • Use uma escova de dentes macia, que não machuque as gengivas.
  • Não aperte, cutuque nem arranhe feridas ou manchas.
  • Limpe cortes e arranhões imediatamente. Lave a ferida em água corrente. Lave a pele ao redor da ferida com sabão. Para evitar irritação, não use sabão na ferida.
  • Tome um banho morno (não quente), ducha ou banho de esponja todos os dias. Não esfregue a pele para secá-la; use um toque leve para secar a pele. Use loção ou óleo para amaciar e tratar a pele se ela ficar seca e rachada.
  • Use luvas de proteção ao fazer jardinagem ou limpar animais, crianças pequenas ou outros.

As infecções causam uma quantidade substancial de complicações em pacientes com malignidades hematológicas. O diagnóstico precoce e a administração de terapia preventiva são importantes como prevenção de infecções. Fique atento aos sintomas e não deixe de procurar ajuda médica.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:
Compartilhe informação: