A imunoterapia celular é uma abordagem inovadora no tratamento do câncer, que aproveita o poder do sistema imunológico para atingir e destruir as células tumorais.

Quando reprogramado para isso, o sistema imunológico reconhece as células cancerígenas como invasoras prejudiciais e as destrói, assim como faz com vírus e bactérias. Continue a leitura deste artigo e compreenda como funciona esse processo.

imunoterapia celular

Funcionamento do Sistema Imunológico

Fase Eliminatória

Nos estágios iniciais de uma malignidade, as células imunes geralmente são capazes de encontrar células cancerígenas à medida que se desenvolvem.

Diga Adeus às suas Dores.
Reserve a sua Consulta de Hematologia.

Durante esse período, conhecido como “fase de eliminação”, o sistema imunológico permanece no controle do tumor, destruindo as células cancerígenas individuais, uma de cada vez.

Estado de Equilíbrio

À medida que o tumor progride, sua taxa de crescimento pode alcançar a taxa de atividade do sistema imunológico, levando a um estado de equilíbrio.

Nesse ponto, as células imunes ainda são capazes de acompanhar e eliminar as células cancerígenas em crescimento, mas as células imunes devem trabalhar mais para fazê-lo.

Em alguns casos, o sistema imunológico pode manter um tumor em crescimento sob controle por vários anos.

Fase de Fuga

Com o avanço das pesquisas, foi descoberto que certos tipos de câncer podem efetivamente “travar” o sistema imunológico. Mais especificamente, essas células cancerígenas evoluem e sofrem alterações genéticas que as ajudam a se esconder das células imunológicas.

Durante esse período, conhecido como “fase de fuga”, as células cancerígenas continuamente inventam maneiras criativas de evitar o sistema imunológico e escapar de sua detecção. Em última análise, a taxa de crescimento das células cancerígenas supera a taxa de atividade das células imunes.

Detecção e Evasão

Antes da fase de escape, as células imunológicas são capazes de reconhecer o câncer como um invasor nocivo, inspecionando de perto as moléculas encontradas na superfície das células tumorais.

Durante a fase de fuga, no entanto, as moléculas de “bandeira vermelha” que alertam as células imunes para o perigo do câncer são perdidas, permitindo que as células cancerígenas escapem do sistema imunológico e passem despercebidas.

Algumas células cancerígenas também produzem moléculas que criam um ambiente hostil para as células imunológicas, o que as torna ineficazes.

O Advento da Imunoterapia Celular

Por meio de extensa pesquisa, os cientistas descobriram maneiras de reverter as táticas evasivas das células cancerígenas e impedir que as células imunológicas caiam nelas.

À medida que a pesquisa continua, mais imunoterapias estão sendo desenvolvidas para fortalecer o sistema imunológico e ajudá-lo a superar as células cancerígenas.

Imunoterapia vs. Quimioterapia

Imunoterapia é o mesmo que quimioterapia? Não. Embora a imunoterapia e a quimioterapia possam ser usadas para combater o câncer, elas o fazem de maneiras diferentes.

A quimioterapia é uma abordagem reativa que usa drogas poderosas administradas por via oral ou intravenosa. As drogas então entram na corrente sanguínea e circulam por todo o corpo para atingir e destruir as células cancerígenas de forma generalizada.

A imunoterapia é uma abordagem proativa que envolve estimular o sistema imunológico a procurar e atacar as células cancerígenas – e continuar a fazê-lo mesmo após o término do tratamento.

Outra diferença entre a quimioterapia e a imunoterapia é que os efeitos da quimioterapia podem se tornar aparentes imediatamente, pois as drogas encolhem imediatamente os tumores e matam as células cancerígenas, enquanto os efeitos da imunoterapia tendem a ocorrer por um longo período de tempo.

Existem diferentes tipos de imunoterapia. Algumas delas também são chamadas de terapias direcionadas ou terapias biológicas.

Como funciona a imunoterapia? Bem, isso depende do tipo de imunoterapia que está sendo implementada. Em nosso próximo artigo, vamos explicar sobre as diferentes terapias celulares que podem ser usadas para tratar o câncer.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:
Cuide das Alterações do seu Sangue.
Marque sua Consulta com Hematologista Hoje!