A citopenia é uma condição em que os níveis das células sanguíneas no corpo estão anormalmente baixos.

Existem vários tipos de citopenia e suas causas são complexas e variadas. A formação e o desenvolvimento das células sanguíneas ocorrem na medula óssea. Qualquer dano a esse tecido esponjoso dentro dos ossos pode afetar as células e a saúde do sangue.

Com a leitura deste artigo, aumente seus conhecimentos sobre a citopenia, quando ela indica um grave problema de saúde e como gerenciamos a condição.

Citopenia

Definição de Citopenia

A origem da palavra citopenia vem de: “cyto”, que refere-se a uma célula e “penia”, que significa baixo ou diminuído.

O sangue consiste em três partes principais:

  • Glóbulos vermelhos, também chamados de eritrócitos, que transportam oxigênio e nutrientes pelo corpo.
  • Glóbulos brancos, ou leucócitos, que combatem infecções e bactérias prejudiciais.
  • Plaquetas, que são células responsáveis pela coagulação.

Se algum desses elementos estiver abaixo dos níveis normais, você pode ter citopenia.

Tipos de Citopenia

Existem vários tipos de citopenia, determinado por qual célula do sangue está com baixos níveis.

  • Anemia – ocorre quando os glóbulos vermelhos estão baixos;
  • Leucopenia – baixo nível de glóbulos brancos;
  • Trombocitopenia – baixo nível de plaquetas;
  • Pancitopenia – baixos níveis dos três tipos de células do sangue.

Causas

Se você estiver apresentando contagens anormalmente baixas de células sanguíneas, seu médico procurará uma causa subjacente para explicar os números. Cada tipo de citopenia pode ser causado por várias condições diferentes e únicas.

As causas da anemia incluem:

  • Baixos níveis de ferro;
  • Sangramento frequente;
  • Destruição de células durante a circulação dentro de seu corpo;
  • Produção anormal de glóbulos vermelhos da medula óssea.

As causas da leucopenia incluem:

  • Infecção crônica, como HIV ou hepatite;
  • Câncer;
  • Doença auto-imune;
  • Tratamentos de câncer, incluindo radiação e quimioterapia.

As causas de trombocitopenia incluem:

  • Câncer;
  • Doença hepática crônica;
  • Tratamentos de câncer, incluindo radiação e quimioterapia;
  • Uso de alguns medicamentos.

Em algumas pessoas com citopenia, não conseguimos encontrar uma causa subjacente. Quando a causa é desconhecida, é chamada de citopenia idiopática.

Entre as possíveis causas da citopenia, estão destruição periférica, infecções e efeitos colaterais de medicamentos. Dois tipos de citopenia que estão relacionados à causa subjacente da contagem baixa de células sanguíneas são citopenia autoimune e citopenia refratária.

  • Citopenia autoimune – causada por uma doença autoimune. Seu corpo produz anticorpos que combatem suas células sanguíneas saudáveis, destruindo-as e impedindo que você tenha contagens adequadas de células sanguíneas.
  • Citopenia refratária – ocorre quando a medula óssea não produz células sanguíneas maduras e saudáveis. Isso pode ser o resultado de um grupo de cânceres, como leucemia ou outra doença da medula óssea. Existem vários tipos de citopenia refratária, definidos pela aparência do sangue e da medula óssea ao microscópio.

Sintomas

Os sintomas variam de acordo com o tipo de doença que você tem. Eles também podem depender do problema ou condição subjacente que está causando a contagem baixa de células sanguíneas.

Quando relacionados à anemia, os sintomas incluem:

  • Fadiga;
  • Fraqueza;
  • Falta de ar;
  • Dificuldade de concentração;
  • Tontura ou sensação de vertigem;
  • Mãos e pés frios.

Quando relacionados à leucopenia, os sintomas incluem:

  • Infecções frequentes;
  • Febre.

Quando relacionados à trombocitopenia, os sintomas incluem:

  • Sangramentos e hematomas mais facilmente;
  • Dificuldade em parar o sangramento;
  • Sangramento interno.

No caso da citopenia refratária, é possível que a contagem baixa de células sanguíneas leve os médicos a um problema subjacente, como câncer ou leucemia.

Quando causada por uma resposta autoimune, pode ocorrer juntamente com outros sintomas sistêmicos que mimetizam aqueles de outros tipos de citopenia.

Condições Associadas

A citopenia costuma estar associada ao câncer e à leucemia. Isso ocorre porque essas duas doenças destroem as células sanguíneas saudáveis ​​do corpo. Elas também podem destruir sua medula óssea e a formação e o desenvolvimento das células sanguíneas ocorrem na medula óssea. Qualquer dano a esse tecido esponjoso dentro dos ossos pode afetar as células do sangue e a saúde do sangue.

Outras condições comumente associadas à citopenia incluem:

  • Câncer, por exemplo leucemia, mieloma múltiplo ou linfoma de Hodgkin ou não-Hodgkin;
  • Doença da medula óssea;
  • Deficiência grave de vitamina B-12;
  • Doença hepática crônica;
  • Doença auto-imune;
  • Infecções virais, incluindo HIV, hepatite e malária;
  • Doenças do sangue que destroem as células sanguíneas ou impedem a produção de células sanguíneas, como hemoglobinúria paroxística noturna e anemia aplástica.

Diagnóstico

Um hemograma completo mostra a contagem de leucócitos, glóbulos vermelhos e plaquetas.

O hemograma é um exame de sangue muito comum e seu médico pode descobrir citopenia nos resultados mesmo sem suspeitar. No entanto, se o seu médico suspeitar que você tem contagens de células sanguíneas baixas, um hemograma completo pode confirmar.

Se os resultados indicarem números baixos para qualquer parte do sangue, seu médico pode solicitar outros testes para diagnosticar a causa subjacente ou procurar explicações em potencial.

A biópsia da medula óssea e a aspiração da medula óssea podem oferecer uma visão detalhada da medula óssea e da produção de células sanguíneas.

Esses testes podem ser usados ​​para confirmar ou descartar doenças da medula óssea ou problemas que podem causar baixa contagem de células sanguíneas.

Tratamento

O tratamento depende da causa.

Para citopenia causada por câncer ou leucemia, o tratamento para essas doenças também pode tratar o nível baixo de células sanguíneas. No entanto, muitos pacientes em tratamento para qualquer uma dessas doenças podem apresentar contagens de células sanguíneas mais baixas como resultado do tratamento.

Os corticosteroides costumam ser o tratamento de primeira linha para vários tipos de citopenia. Muitos pacientes respondem bem ao tratamento. No entanto, alguns podem ter recaída ou não responder. Nesse caso, opções de tratamento mais agressivas podem ser usadas:

  • Terapia imunossupressora;
  • Transplante de medula óssea;
  • Transfusão de sangue;
  • Esplenectomia.

Uma vez diagnosticada, muitas pessoas conseguem tratar a citopenia e restaurar as contagens de células sanguíneas saudáveis.

Referência: Journal of the American Society of Hematology

Compartilhe informação: