Anemia no Mieloma Múltiplo. Pessoas com mieloma múltiplo experimentam fadiga devido à baixa contagem de glóbulos vermelhos causada pelo câncer. “Anemia” é o termo usado para descrever uma contagem baixa dessas células.

Neste artigo, compreenda as causas para a anemia no mieloma múltiplo e como tratamos esta condição.

Anemia no Mieloma Múltiplo

O que Causa Anemia no Mieloma Múltiplo?

A anemia resulta da redução dos glóbulos vermelhos no corpo. Existem diferentes causas para essa condição. Algumas pessoas desenvolvem anemia porque têm uma doença que causa sangramento. Outros desenvolvem devido a uma condição que causa uma diminuição na produção de glóbulos vermelhos da medula óssea.

A anemia e o mieloma múltiplo andam de mãos dadas. O mieloma múltiplo desencadeia um crescimento excessivo de células plasmáticas na medula óssea. As células plasmáticas são células brancas do sangue que produzem e secretam anticorpos.

Quando há excesso de células plasmáticas na medula óssea, é reduzido o número de células formadoras de sangue. Essa resposta causa uma contagem baixa de glóbulos vermelhos.

A condição pode ser leve, moderada, grave ou com risco de vida.

Características da Anemia no Mieloma Múltiplo

Os glóbulos vermelhos contêm hemoglobina. A hemoglobina transporta oxigênio dos pulmões para diferentes partes do corpo. O seu médico pode diagnosticar anemia se o seu nível de hemoglobina estiver abaixo do normal.

Os sintomas de anemia podem incluir:

  • Tontura;
  • Falta de ar;
  • Dor de cabeça;
  • Frio;
  • Dor no peito;
  • Pele pálida;
  • Indisposição;
  • Arritmia.

Relação entre Anemia e o Tratamento do Mieloma Múltiplo

A anemia também pode se desenvolver como um efeito colateral de certos tratamentos contra o câncer. Alguns medicamentos reduzem o número de glóbulos vermelhos produzidos pelo corpo.

Fale com seu médico para entender as possíveis complicações de diferentes terapias. Os tratamentos do câncer que podem causar baixa contagem de sangue incluem:

  • Quimioterapia. Este tratamento também pode matar células saudáveis ​​juntamente com células malignas. Essas células saudáveis ​​incluem as células da medula óssea que produzem os glóbulos vermelhos.
  • Radiação. Esta terapia também pode danificar a medula óssea quando realizado em grandes áreas do corpo (ossos, tórax, abdômen ou pelve). Esses danos levam a uma menor produção de glóbulos vermelhos.

A anemia geralmente é temporária. À medida que o câncer melhora, a produção de glóbulos vermelhos deve se normalizar.

Formas de Tratamento

Seu médico pode sugerir um tratamento para ajudar a restaurar uma contagem normal de glóbulos vermelhos enquanto você completa a terapia contra o câncer.

O seu médico pode monitorar a contagem das suas células sanguíneas com análises do sangue. Isso pode detectar anemia, bem como avaliar a eficácia de um tratamento específico. As opções de tratamento para anemia variam, mas podem incluir:

Suplementação Vitamínica

A deficiência de vitaminas pode causar anemia no mieloma múltiplo. Seu médico pode pedir um exame de sangue para determinar se você tem alguma deficiência e recomendar a suplementação para corrigir essa deficiência.

Medicamentos

Também estão disponíveis medicamentos para desencadear a produção de glóbulos vermelhos na medula óssea. Isso pode resolver a anemia e seus sintomas.

Embora eficazes, esses medicamentos não são para todos. Existe o risco de coágulos sanguíneos quando combinado com alguns medicamentos que tratam o mieloma múltiplo. Seu médico pode determinar se este tipo de tratamento é seguro com sua terapia atual.

Quando a anemia é grave ou com risco de vida, seu médico pode recomendar uma transfusão de sangue.

Viver com anemia e mieloma múltiplo pode ser desafiador, mas é importante lembrar que há tratamento.

Fale com o seu médico assim que mostrar sinais de anemia. Além disso, lembre-se de que a anemia pode melhorar à medida que você atinge a remissão e sua medula óssea se torna mais saudável.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:
Compartilhe informação: