medicamentos-anticoagulantes-saiba-mais

Os medicamentos anticoagulantes são prescritos para tornar o sangue menos propenso a coagular. Existem muitas dúvidas sobre o seu uso e principalmente o risco de sangramento. Assim, elaboramos este artigo para esclarecer este assunto. Acompanhe.

Por que Tomar Medicamentos Anticoagulantes?

Os principais motivos pelos quais os médicos prescrevem fármacos anticoagulantes são para prevenir coágulos sanguíneos ou para tratar aqueles já formados. Nada pode impedir completamente todos os coágulos, mas os medicamentos anticoagulantes tendem a diminuir seu risco de existência.

Estes medicamentos não dissolvem os coágulos, mas evitam que cresçam e se movam para outra parte do corpo, ajudando a prevenir novas formações em:

  • Pessoas que têm um problema de ritmo cardíaco chamado “fibrilação atrial” – O medicamento ajuda a diminuir as chances de AVC isquêmico, causado por um coágulo sanguíneo.
  • Pessoas que sofreram cirurgia de substituição do joelho – Estes medicamentos ajudam a prevenir um coágulo sanguíneo nas pernas (denominado “trombose venosa profunda” ou “TVP”) ou nos pulmões (designados por “embolia pulmonar”.

Os médicos também prescrevem esse tipo de medicamento para pessoas que já tiveram um coágulo, a fim de evitar mais problemas. Isso inclui:

  • Pessoas que tiveram um derrame relacionado à fibrilação atrial
  • Pessoas que tiveram uma TVP ou embolia pulmonar

Medicamentos Anticoagulantes Diretos

Esses medicamentos são chamados de anticoagulantes “diretos” porque bloqueiam diretamente fatores de coagulação. (Fatores de coagulação são proteínas no sangue que ajudam a coagular). Isso é diferente da Varfarina, por exemplo, outro tipo de medicamento anticoagulante que tem sido usado por muitos anos para prevenir e tratar coágulos sanguíneos.

Os anticoagulantes orais diretos são mais novos. Eles funcionam tão bem ou melhor que a varfarina para a maioria das pessoas, mas eles têm algumas diferenças:

Todos os medicamentos anticoagulantes podem causar hemorragias. Alguns tipos de sangramento – como sangramento no cérebro – são menos prováveis ​​com os anticoagulantes orais diretos do que com a varfarina.

As pessoas que tomam estes medicamentos não têm que mudar a sua dose, exceto no início do tratamento em alguns casos. Pessoas que tomam varfarina, às vezes precisam mudar sua dose.

Cada dose destes medicamentos funciona apenas por um curto período de tempo. Portanto, é especialmente importante não perder nenhuma dose ou o risco de coágulos sanguíneos pode aumentar.

As pessoas que tomam estes medicamentos têm muito poucas regras especiais sobre a sua dieta (mas existem algumas). Pessoas que tomam varfarina precisam observar a quantidade de verduras e outros legumes que comem e tentar comer aproximadamente a mesma quantidade todos os dias. Estes alimentos contêm vitamina K, que afeta a dose de varfarina.

Para os anticoagulantes orais diretos, não há tantos medicamentos que afetam a maneira como eles funcionam. Para Varfarina, existem muitos outros medicamentos que podem mudar a maneira como funcionam. Mas ainda é importante conversar com seu médico sobre qualquer medicamento que você tome.

Pessoas com uma válvula cardíaca mecânica (um dispositivo usado para substituir uma válvula cardíaca danificada) precisam tomar um medicamento anticoagulante, mas não podem tomar qualquer um dos anticoagulantes orais diretos. Essas pessoas tomam varfarina em vez disso.

As mulheres grávidas que precisam de um medicamento anticoagulante geralmente não tomam anticoagulantes orais diretos ou varfarina. Eles geralmente recebem um medicamento chamado “heparina de baixo peso molecular”.

Algumas das diferenças entre os medicamentos anticoagulantes podem ser graves, e outras são mais uma questão de conveniência. Converse com seu médico sobre qual dos medicamentos é melhor para você.

Se você precisar de um medicamento anticoagulante, o seu médico pode pedir exames de sangue para verificar se seus rins ou fígado funcionam bem. Se você tem problemas renais ou hepáticos, os anticoagulantes orais diretos podem não ser adequados para você, ou pode ser necessário tomar uma dose menor.

Cuidados com o Uso de Medicamentos Anticoagulantes

Se você toma um destes medicamentos para prevenir coágulos sanguíneos, existem certas coisas que deve fazer:

  • Tome o seu medicamento exatamente como o seu médico lhe prescreveu. Tome-os na mesma hora todos os dias e não pule nenhuma dose. Não tome 2 doses de uma vez, mude a dose ou pare de tomar este medicamento sem falar com o seu médico.
  • A maioria dos medicamentos anti-coagulantes pode ser tomada com ou sem alimentos.
  • Não tome analgésicos como ibuprofeno, naproxeno, ou aspirina. Estes medicamentos podem aumentar o risco de hemorragia, especialmente se combinado com um medicamento anticoagulante. Se você precisa de um analgésico, pergunte ao seu médico qual deles é seguro.
  • Pergunte ao seu médico antes de tomar novos medicamentos – Isso inclui medicamentos prescritos, remédios vendidos sem receita médica e até medicações à base de ervas. Certos medicamentos podem alterar os efeitos dos anticoagulantes.
  • Use uma etiqueta de alerta médico – Use sempre uma pulseira, colar ou etiqueta de alerta (ou carregue um cartão de carteira) que avise as pessoas de que você toma um medicamento anticoagulante e o motivo. Dessa forma, se você se envolver em um acidente e não puder explicar sua condição, os profissionais saberão como cuidar de você. Sua etiqueta de alerta também deve ter o nome e o número de telefone de uma pessoa de contato para emergência.

Se você tomar dabigatrana (nome comercial: Pradaxa), há algumas outras coisas que você precisa tomar cuidado:

  • Mantenha o medicamento no frasco original. Não coloque este medicamento em nenhum outro recipiente, como uma caixa de comprimidos ou um organizador de comprimidos.
  • Tome dabigatrana com um copo cheio de água depois de uma refeição – Não se deite por pelo menos meia hora depois de tomar. Isso irá diminuir a chance de azia ou dor de estômago.
  • Não quebre, mastigue nem abra as cápsulas de dabigatrana – Se não conseguir engolir as cápsulas inteiras, fale com o seu médico. Você pode precisar mudar para um medicamento diferente. Isso porque tomar cápsulas de dabigatrana abertas ou quebradas pode ser prejudicial.

Efeitos Adversos dos Medicamentos

O efeito colateral mais comum é o sangramento de qualquer parte do corpo. O sangramento pode ser pequeno ou, às vezes, grave. Ele pode ocorrer dentro do seu corpo, onde você não pode vê-lo. Em certos casos, se tiver hemorragias graves, o seu médico pode tratá-lo com um medicamento que bloqueie os efeitos do seu medicamento anticoagulante.

Ligue para o seu médico imediatamente se tomou mais remédios do que deveria, se sofreu um acidente grave ou queda, ou se tiver algum destes possíveis sinais de hemorragia:

  • Sentir-se mal do estômago e vomitar sangue ou algo parecido com borra de café;
  • Dores de cabeça, tontura ou fraqueza;
  • Hemorragias nasais ou qualquer sangramento que não pare;
  • Urina vermelho escuro ou marrom;
  • Sangue nas fezes ou evacuações de cor escura.
  • Você também deve chamar o médico se:
  • Perceber sangramento nas gengivas depois de escovar os dentes;
  • Tem menstruação intensa ou sangramento entre períodos;
  • Tem mais hematomas do que o habitual após uma pequena lesão;
  • Ter diarréia, vômito ou não conseguir comer por mais de 24 horas;
  • Ter febre (temperatura superior a 38 ° C);
  • Não conseguir tomar os medicamentos anticoagulantes por qualquer motivo.

Como Diminuir o Risco de Sangramento

  • Evite fazer coisas que possam levar a uma queda, como andar em superfícies escorregadias ou subir em lugares altos;
  • Evite esportes que possam causar ferimentos;
  • Tenha cuidado ao manusear ferramentas afiadas ou evite-as quando possível. Exemplos de ferramentas que podem causar sérios sangramentos através de cortes são facas afiadas, serras e navalhas de ponta reta;
  • Sempre use o cinto de segurança;
  • Evite usar medicamentos anti-inflamatórios conhecidos como AINES, a menos que você fale com seu médico primeiro. Os AINEs são um grupo de medicamentos para alívio da dor que inclui aspirina, ibuprofeno e naproxeno. O seu farmacêutico ou enfermeiro pode informá-lo caso o medicamento que você está pensando em tomar contiver um AINE;
  • Evite beber muito álcool, pois pode aumentar o risco de sangramento;
  • Ao consultar um novo médico, dentista ou enfermeiro, informe-os de que está tomando um medicamento anticoagulante.

Para obter informações mais detalhadas sobre seus medicamentos, pergunte ao seu médico hematologista de confiança.

Compartilhe informação: