Acabei de Saber que Tenho Câncer no Sangue. Ser informado de que você tem câncer no sangue pode ser algo difícil de ouvir. Algumas pessoas dizem que se sentiram como se estivessem em um redemoinho, ou que seu mundo havia virado de cabeça para baixo. Outros dizem que o tempo parecia ter parado.

Você certamente se sentirá incerto sobre o futuro e terá dúvidas sobre o que seu diagnóstico significa para você e o que acontecerá a seguir.

Continue a leitura deste artigo para compreender o que esperar do seu diagnóstico e tratamento, e onde obter ajuda quando precisar.

Tenho Câncer no Sangue

Tenho Câncer no Sangue – O que Isso Significa?

Recupere a Saúde da sua Medula Óssea!
Agende uma Consulta com Hematologista Hoje.

O câncer de sangue é um tipo de câncer que afeta as células do sangue. Existem diferentes tipos de câncer de sangue, incluindo:

Cada uma dessas doenças tem sintomas, tratamentos e prognósticos diferentes.

Todos os cânceres de sangue são causados ​​por mudanças (mutações) no DNA dentro das células sanguíneas. Isso faz com que as células do sangue comecem a se comportar de forma anormal. Em quase todos os casos, essas mudanças estão ligadas a coisas que não podemos controlar.

Quais Minhas Chances de Cura?

Para muitas pessoas, esta é a primeira pergunta. Graças à evolução da pesquisa, cada vez mais tratamentos estão sendo desenvolvidos e aprimorados. Milhares de pessoas são tratadas com sucesso todos os anos.

Com alguns cânceres de sangue, o tratamento visa colocá-lo em remissão. Isso significa que não há mais nenhum sinal de câncer, ou o nível de células cancerosas está tão baixo que não é mais um problema. Algumas pessoas permanecem em remissão e podem se considerar curadas. Outras podem precisar de mais tratamento mais tarde.

Para outros cânceres do sangue, o tratamento geralmente visa gerenciar a condição para que você possa conviver com ela e desfrutar de uma boa qualidade de vida.

Você pode perguntar à sua equipe médica a qualquer momento sobre os objetivos do tratamento e o que provavelmente acontecerá no futuro (seu prognóstico). Seu prognóstico é individual para você. Vai depender do tipo de câncer de sangue que você tem e de fatores específicos para o seu caso, como sua idade e saúde geral.

Como me Ajudar e Facilitar meu Tratamento?

Comer de forma saudável e manter-se ativo são fatores conhecidos por ajudar as pessoas com câncer, tanto física quanto emocionalmente. Portanto, tente seguir os conselhos gerais sobre dieta e exercícios de uma fonte confiável.

Se você fuma, é melhor desistir ou pelo menos diminuir, já que o tabagismo é especialmente prejudicial para pessoas que fizeram quimioterapia.

Embora não possam curar o câncer, terapias complementares como massagem, meditação e acupuntura podem ajudá-lo a controlar os sintomas e efeitos colaterais ou ajudar com o estresse. Converse com sua equipe médica sobre quais terapias são adequadas para seu caso.

Você pode ouvir que determinados alimentos ou suplementos ajudarão em seu tratamento, mas raramente há evidências científicas adequadas para apoiar essas informações. Discuta isso com sua equipe médica antes de tentar algo novo, para garantir que seja seguro e não interfira em nenhum tratamento que você esteja fazendo.

A Importância do Apoio Psicológico

O câncer no sangue pode envolver muitas experiências novas e desafiadoras que podem ser angustiantes para o paciente e sua família.

A experiência e a resposta de cada um ao câncer é única. É comum experimentar sentimentos negativos (por exemplo, medo, tristeza e raiva), preocupações e alterações temporárias no apetite, sono e motivação.

Esta pode ser uma resposta normal aos aspectos estressantes do câncer, mas pode atrapalhar relacionamentos, atividades e mesmo o tratamento do câncer.

Pessoas nessa situação podem se beneficiar de trabalhar com um psicólogo clínico para lidar com esses sentimentos e retomar o controle.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:
Recupere a Saúde do seu sistema imunológico!
Reserve Agora mesmo a sua Consulta com Hematologista.